Função da claquete e sua importância no cinema - InC | Instituto de Cinema | Cursos de Cinema e Atuação

Instituto de Cinema de SP

Função da claquete e sua importância no cinema

Criada na década de 1920 por F. W. Thring, chefe dos estúdios Efftee em Melbourne, a claquete era uma pequena placa de madeira e acrílico que continha, à primeira vista, diversos escritos em sua superfície. Mas o que poucos sabem é o tamanho da importância desses escritos. Eles eram, e continuam sendo, registros importantíssimos sobre o que está sendo gravado no momento.


Na claquete, podemos ver o título do filme, a data da gravação, o nome da produtora, o nome do diretor, do diretor de fotografia, e mais importante: o número do plano em sua ordem de montagem, e o take que está sendo gravado. Todas essas informações são essenciais para facilitar o trabalho dos editores durante a fase da pós-produção, ajudando-os a mapear o material gravado. Assim, eles não irão ter problemas na hora da montagem do filme.


Mas a claquete desempenha um outro papel fundamental, igualmente importante para auxiliar na montagem e edição da produção.


No cinema, as imagens e os sons são gravados separadamente, captados e arquivados em dispositivos diferentes. Para que haja uma sincronia entre os dois tipos de arquivos, é utilizada a claquete.


No momento em que tudo está pronto para ser captado, o operador da claquete se posiciona em frente a câmera, para mostrar bem o objeto e suas informações, e após ler o que está escrito em voz alta, ele bate a claquete, produzindo um som semelhante a uma palma, para que assim seja registrado o som tanto pela câmera, que capta a imagem,  quanto pelo equipamento de áudio. Sendo assim, a sincronia é feita a partir da junção das duas capturas.


No início do cinema, para fazer o papel da claquete, uma pessoa segurava uma placa com as informações da cena em frente à câmera, enquanto uma segunda pessoa batia uma vara de encontro a outra, simulando o som das palmas. A junção das duas funções fez com que somente uma pessoa fosse necessária para desempenhar a função de manusear a claquete. As informações escritas são até hoje feitas em giz ou marcador. Com a modernização dos objetos, surgiram as placas de acrílico, e mais recentemente, as chamadas “smart slates”, claquetes com visor de LED, com muitos modelos deixando o som de palmas de lado, substituindo-o por barulhos eletrônicos.


A claquete é um objeto essencial para que a produção de um filme seja bem organizada e pensada. E além de suas funções e importância dentro da própria produção, justamente por ser tão fundamental na história do cinema, ela se tornou um símbolo, uma imagem que representa o cinema em si, representando visualmente a sétima arte.


 


Por Pedro Dourado.

voltar