Instituto de Cinema de SP

Prefeitura de São Paulo e InC

A Biblioteca Alceu Amoroso Lima foi inaugurada em dezembro de 1979, após um movimento de reivindicação dos moradores e comerciantes do bairro de Pinheiros que não encontravam na região um ambiente apropriado para a leitura e o acesso à informação. Inicialmente a Biblioteca foi instalada em um sobrado localizado na Rua Cardeal Arcoverde, 3019.
Desde sua implantação, o público foi crescendo e o acervo aumentando a cada ano. A unidade, que atendia apenas usuários de Pinheiros e proximidades, passou a receber também leitores dos bairros próximos.

Em 1988, com um acervo de 14 mil volumes, o espaço se tornou insuficiente e a comunidade criou a Sociedade de Amigos da Biblioteca Alceu Amoroso Lima, que reivindicou a construção de um novo prédio e a garantia de sua manutenção.A associação passou a buscar terrenos vazios no bairro para abrigar o novo edifício e acabou por escolher o terreno da esquina da Avenida Henrique Schaumann com a Rua Cardeal Arcoverde. Em 1990, a prefeitura de São Paulo aprovou um projeto arquitetônico, de linhas modernas, assinado pelo arquiteto José Osvaldo Vilela. A inauguração da nova sede, que abriga atualmente a Biblioteca, ocorreu em outubro 1998.

Selecionada como uma das oito bibliotecas temáticas do Sistema Municipal de Bibliotecas, o espaço foi reformulado em 2006 e passou a contar com um andar exclusivo para o Núcleo Temático de Poesia, onde o público pode desfrutar do acervo de poesia num ambiente agradável para a leitura, cursos e oficinas. Além da transformação interior, com a colagem de poemas nas paredes da biblioteca e a compra de mobiliário, a fachada do edifício sofreu uma intervenção artística a partir do trabalho do grupo sprays poéticos, onde com mais de quatro metros de altura, a palavra POESIA é recheada de uma grafitagem em que a linguagem poética adquire uma dimensão urbana e visual.

Hoje a Alceu conta com cerca de 31 mil volumes em seu acervo. Inicialmente, o número de títulos da temática em poesia recebeu 600 livros, nacionais e internacionais, disponíveis no mercado editorial. Posteriormente, ensaios, críticas e biografias de escritores foram incorporados ao acervo. O responsável pela escolha do acervo de Poesia e pela programação inicial foi o poeta Frederico Barbosa, curador do Núcleo, que visa a transformação da biblioteca em um centro cultural ativo e ponto de referência para os interessados neste campo. A biblioteca também estará aberta para os poetas que desejarem apresentar seus trabalhos. Há expectativas de que o espaço se torne, gradualmente, um pólo de poesia na cidade.

E hoje, temos a felicidade de anunciar que estamos em parceria com a Biblioteca, que fez e ainda faz história no bairro de Pinheiros. Disponibilizaram o auditório para realizarmos nossas formaturas, então nosso espaço estará aberto para você, que tem vontade de apreciar os curtas produzidos pelos alunos do Instituto de Cinema. Estaremos anunciando alguns dias antes para que possam comparecer e prestigiar.

A biblioteca fica na Rua Henrique Schaumann, 777, esquina com a Rua Cardeal Arcoverde, Pinheiros - 05413-021 São Paulo, SP



Cultura é sempre maravilhoso, e quando tem todo o acervo disponível e gratuito, não podemos deixar passar despercebido.
voltar